• Iara Rodrigues

Qual o segredo da nossa área de Inteligência Artificial?

Como a Cromai consegue conciliar as complexidades do campo e a de desenvolver uma tecnologia de ponta para entregar uma solução que está revolucionando a agricultura brasileira?




O time


Quem já não sonhou em fazer a diferença no mundo? Para muitos este sonho ficou no passado, mas aqui na Cromai nossos colaboradores estão realizando esse sonho diariamente desenvolvendo soluções tecnológicas que estão revolucionando a agricultura. Nossos produtos, desenvolvidos com inteligência artificial e visão computacional, permitem que produtores e usinas tomem decisões muito mais assertivas e econômicas, e que o consumidor final dessa cadeia produtiva tenha acesso a produtos mais saudáveis, de alta qualidade e com menor impacto ambiental.


Para desenvolver essas soluções, contamos com um time incrível de inteligência artificial formado por pessoas multidisciplinares e com uma enorme vontade de aprender e superar desafios (que não são poucos). E não basta ter competência técnica em IA: os membros do time de inteligência artificial tem que expandir seus os horizontes de conhecimento para dialogar com o clientes sobre seus desafios agronômicos e propor soluções que realmente tragam valor. Essas propostas passam por ciclos de validação e aperfeiçoamento, e ao final deste processo obtemos não apenas o produto final diferenciado, como também um time muito mais capacitado com um sentimento de realização.



Qual a diferença entre a Inteligência Artificial desenvolvida na Cromai e em outras empresas que focam em IA?


A Cromai desenvolve soluções customizadas para desafios específicos enfrentados pelos nossos clientes em seus cotidianos no campo. Esse nível de customização exige processos, ferramentas, modelos e experimentos direcionados para endereçar estes desafios. Enquanto comumente outras empresas que aplicam IA tendem a utilizar soluções "de prateleira" fazendo adaptações para seus casos de uso, a Cromai tem uma equipe de IA dedicada e com capacidade técnica para criar tanto soluções embarcadas quanto em nuvem conforme as necessidades de nossos clientes.


A IA desenvolvida na Cromai também se diferencia por utilizar datasets proprietários para treinamento de modelos, enquanto outras empresas geralmente utilizam datasets prontos encontrados na Internet para treinamento. Os datasets da Cromai são compostos de imagens capturadas durante voos de drones sobre as plantações de nossos clientes. Essa caraterística permite que a Cromai entregue modelos de inteligência artificial muito mais precisos e conectados à realidade do campo.



O que aprendemos no dia-a-dia com nossa I.A para o agronegócio?


Criar datasets proprietários é um diferencial competitivo importante para a Cromai, no entanto isso envolve processos complexos para a aquisição de imagens, armazenamento e gestão deste tipo de dados. Para que a IA da Cromai chegasse ao patamar que se encontra hoje, diversos alinhamentos com os clientes foram necessários para entendimento da realidade em campo no momento de adquirir os dados. Inúmeros fatores, como clima, modelo de sensor, características de solo, variedade de cultura e etc., podem influenciar no momento de desenvolver uma boa base de dados, a qual fornecerá todo o suporte para o desenvolvimento da inteligência computacional. Além disso, saber lidar com essa diversidade de imagens e condições reais de campo exige um esforço relevante da equipe de desenvolvimento Cromai na construção e gestão da sua base de dados, bem como uma relação muito próxima com os clientes, que validam esta entrega final de identificação da IA.


Com a inserção cada vez mais representativa da Cromai no mercado sucroenergético, a Cromai em dois meses adquiriu mais de 2 milhões de amostras para seu dataset de plantas daninhas. A chegada de novos dados é sempre importante para o lançamento de novas versões de modelos muito mais acurados e condizentes com a complexidade do campo. No entanto, para que todo o ciclo de desenvolvimento seja possível, saber lidar com essa elevada quantidade de dados passa a ser um desafio. Então novos processos como automatizações, criação de ferramentas e investimento em capacidade computacional são necessários para garantir a entrega de modelos cada vez melhores.



O que a nossa I.A tem de especial que elevou a Cromai no mercado de tecnologia e agronegócio?


O processo inicial de estudo e análise de possíveis soluções, durante o surgimento da Cromai, foi o primeiro passo para definir quais seriam os tipos de dados a serem trabalhados pela IA e o que ela iria entregar como resultado de inferência, de forma a garantir uma solução com entrega de valor e que fizesse realmente a diferença para o cliente final. Além disso, o desenvolvimento de uma IA escalável e aplicável em campo é facilitado devido à implementação e utilização de métodos de desenvolvimento ágeis baseados em técnicas de Lean Startup, as quais permitem ajustes rápidos na evolução da solução de acordo com as validações dos clientes em cada etapa.


Essa relação de parceria entre Cromai e seus clientes permite a evolução da IA Cromai de forma constante e eficiente, dado que os clientes atuam ativamente durante todo o processo, desde o fornecimento dos dados que serão utilizados na aprendizagem dos modelos, bem como nas validações dos resultados finais. Adquirir dados diversificados e que descrevam as condições de campo apresentadas especificamente por cada cliente, fornece uma maior variabilidade para a nossa base de dados, construindo assim uma IA preparada para as situações adversas encontradas no campo.


Um dos processos mais importantes inseridos dentro do ciclo de IA e também da parceria entre Cromai e seus clientes é a auditoria de resultados. Após a realização do diagnóstico feito pela IA Cromai, realiza-se a validação em campo junto aos clientes sobre a eficácia dos resultados entregues e, assim, sendo possível estar sempre ajustando e direcionando os modelos de IA para que ele se adeque às condições reais de campo encontradas em cada cliente. Dessa maneira, a Cromai consegue estar sempre mais próxima às condições agronômicas reais apresentadas pelos clientes e as inserindo dentro do processo de aprendizagem da IA de forma a garantir sempre uma evolução na entrega dos resultados finais de aplicação.



Como foi criar do zero a estratégia de I.A da Cromai e como ocorre esse aprimoramento contínuo?


Ao melhor estilo Lean Startup, construímos a estratégia de IA pedaço por pedaço, conforme fomos aprendendo ao longo do processo. Cada momento da startup e do produto tem necessidades diferentes, e o importante é continuar aprendendo e evoluindo a cada dia. Vejo que um grande diferencial da Cromai foi a velocidade com a qual conseguimos aprender e evoluir, até chegar ao ponto em que estamos hoje, trabalhando na fronteira do conhecimento e com tudo o que há de mais inovador e moderno.


Quando começamos, trabalhávamos com uma escala reduzida de dados e, normalmente, em ambientes controlados de testes. Neste tipo de atuação, a estratégia é muito focada em desenvolver soluções para provas de conceito com o objetivo de validar a viabilidade técnica da IA aplicada. O intuito é mostrar o potencial da tecnologia. Com o crescimento da startup, os desafios mudam de uma maneira muito dinâmica e, consequentemente, a estratégia desenhada para resolvê-los também deve acompanhar essas mudanças. Aqui, já não estamos falando mais de provas de conceito, mas sim validar o quanto a nossa IA é capaz de se adaptar a uma escala crescente de dados e cenários de campo. Mais do que mostrar o potencial da tecnologia, avaliamos o quanto nossa IA é uma realidade em uma variedade de cenários muito maior do que a encontrada nas provas de conceito. É nesse momento, que ocorre continuamente no nosso dia a dia de trabalho, que avaliamos o quanto processos, ferramentas, expertise técnica e arquitetura de solução estão aptos aos novos desafios. Se identificamos gaps nestas dimensões, planejamos nossa estratégia para eliminá-los conciliando com outras prioridades e horizontes de tempos previamente definidos.


Criar uma estratégia para a evolução de uma tecnologia e área que é fronteira do conhecimento no mundo, como IA, é entender que muitas vezes as respostas e soluções para os desafios encontrados não estarão facilmente acessíveis. Faz parte do processo de evolução da tecnologia saber fazer as perguntas certas, elencar possíveis soluções, implementar e validar as soluções, e, principalmente, aprender com o processo como um todo. A cada iteração executada deste ciclo, evoluímos nosso conhecimento, aprendizado e capacidade técnica, nos tornando cada vez mais aptos para inserir essa tecnologia de fronteira como um valor super relevante para o dia a dia do produtor rural.




Por que fazer parte do time de IA e da Cromai?


Como dito no início, o time da Cromai é formado por pessoas multidisciplinares, e isso possibilita uma absorção de conhecimentos gigantesca não só de IA, mas também de sua aplicação em outras áreas. Dentro de IA, os colaboradores participam do ciclo completo de um projeto, desde as automatizações de processos (Machine Learning Ops), desenvolvimento e experimentações com arquitetura de modelos, aplicação de métodos de análise de dados em visão computacional e processamento de imagens, até as etapas de avaliações e monitoramento de modelos.


Além disso, na Cromai, há um projeto focado no desenvolvimento profissional dos nossos colaboradores (Projeto Performance), onde monitoramos a performance e trabalhamos com plano de ação para potencializar e/ou desenvolver competências técnicas, bem como as comportamentais, aquelas alinhadas com a nossa cultura. E falando de cultura, um dos nossos valores é o #NovosDesafiosAdubamONossoCrescimento. E já que estamos falando sobre visão computacional, “pensar fora da casinha” e sempre ser criativo nas resoluções de problemas é o que permeia o nosso dia a dia em IA, visto que trabalhar com dados como imagens não é simples e tratar essa complexidade exige um grande esforço de nossa equipe.


Os desafios a cada mês e a cada ano são sempre novos, dado que trabalhamos com uma área de tecnologia ainda muito recente e pouco explorada, tanto pelo mercado quanto pela academia, em cima de todo o potencial que ela pode entregar. Neste sentido que, aqui na Cromai, gostamos sempre de inovar, propor soluções disruptivas e encarar os desafios sem medo. Por isso prezamos sempre pela abertura de viver e conceder espaço para todas as pessoas experimentarem e passarem por este cenário para se desenvolverem não só como profissionais mas também como pessoas.


Então se você tem vontade de aprender, enfrentar desafios, contribuir em equipe e levar uma I.A cada vez mais precisa ao campo, talvez seja conosco o seu lugar!




Material elaborado por:

Diogo Cosin

Guilherme Castro

Iara Rodrigues

Tatiana Sciammarella

Vitor Hiroya


84 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo